INFORMAÇÕES

Árvores na floresta

Educação Ambiental

Um dos principais objetivos da REGUA, desde sua criação, foi desenvolver um programa de conscientização ambiental que envolvesse crianças e jovens das comunidades inseridas na alta bacia do Rio Guapiaçu. A ideia principal é despertar o desejo de conservação dos remanescentes da Mata Atlântica na região através do fomento do conhecimento e reconhecimento do seu inestimável valor biológico e dos seus serviços ambientais.

O Programa de Educação Ambiental (EA) na REGUA teve início em 1999 com visitas frequentes às escolas inseridas na alta bacia do Rio Guapiaçu. Um dos primeiros tópicos apresentados às crianças e jovens foi o relacionado à caça predatória e seus malefícios ao meio ambiente. A finalidade do recém-instaurado programa de EA foi a tentativa de mudar os hábitos de caça predatória enraizados nas comunidades do entorno da REGUA.

educacao1.jpg
Jovens Guardas recolhendo lixo no rio Guapiaçu (© REGUA)

Programa jovens Guardas

Em 2004 surgiu o Programa ‘Jovens-Guardas’ como resultado da experiência prévia com as escolas e do interesse dos alunos oriundos do entorno da Reserva pelos novos conteúdos. Os jovens, então, tinham a chance de estar mais conectados à REGUA e aprimorar seus conhecimentos sobre o meio ambiente.

Com o apoio dos professores, o programa de EA continuou a ser desenvolvido no Município, sendo atualmente trabalhado de forma multidisciplinar nas unidades de ensino do Município. A REGUA recebe visitas escolares agendadas e guiadas pelo Coordenador de Educação Ambiental do Projeto Guapiaçu III, financiado pelo Programa Petrobras Sociambiental. O programa de educação implementado pelo Projeto Guapiaçu teve início em 2013 e está em sua terceira edição. Através de um programa Integrado de Educação Ambiental são atendidas as diferentes etapas da educação básica (educação infantil, ensino fundamental e médio).

Durante a pandemia

Durante a pandemia do Covi-19 as aulas presenciais foram interrompidas, porém com a ajuda da tecnologia foi possível manter os estudantes conectados com a natureza mesmo que de forma virtual. A equipe do Projeto Guapiaçu desenvolveu um tour virtual 360° que percorre a Trilha Amarela, a trilha educativa utilizada pelos alunos que visitam a REGUA.

A sala de aula utilizada pelos estudantes que visitam a REGUA foi projetada e financiada por Roberto Locke, um dos fundadores da REGUA e membro ativo do Brazilian Atlantic Rainforest Trust (BART). É nesse espaço dentro do Centro de Visitantes que acontecem as principais atividades e workshops relativos à Educação Ambiental. O lugar de destaque que a REGUA tem alcançado nos últimos anos, deve-se, entre outros, a este trabalho de educação ambiental com as crianças e jovens, acompanhado do trabalho de sensibilização do público nas comunidades do entorno.

educacao2.jpeg
Atividade educativa para o público infantil em uma escola de Cachoeiras de Macacu (© Projeto Guapiaçu)